Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

 

 

Cabrer.jpeg

 

Uma das razões porque a ilha da Boa Vista só veio a ser povoada no séc. XVIII, no terceiro ciclo de povoamento foi porque as características da ilha não favoreciam a agricultura, mas a criação de gado, sobretudo caprino. Daí o nativo da ilha, pastor de cabra, sua principal actividade, passar a designar-se cabrêr.

 

Em abono da verdade, o cabrêr, por necessidade, sempre foi um empreendedor porque trabalhador de muitos ofícios. Hoje isso terá mudado muito, mas ele era, conforme a época do ano, pastor de cabra, pescador, escalador de peixe seco, marinheiro, fazedor de txacina e de cal, pedreiro, sapateiro, agricultor, tocador e, sobretudo, êss ca ta ftá (eles não furtam).

 

Os cabrêrs mais conhecidos talvez sejam Salibânia e Maria Barba, cantadêras; Nhô Alfredo Brito, professor primário de várias gerações; Nhô Marcos, Captôn; Germano Almeida, escritor; e más um ketxáda dêz.

 

– Manuel Brito-Semedo

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Boa Vista.gif

 

 

Boa Vista é a ilha que se situa mais a leste, distando apenas 455 km da costa africana. Sua superfície, de 620 km², torna-a a terceira maior ilha, depois de Santiago e Santo Antão.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Pecas0093@gmail.com

    Muitas vezes e cada vez mais, meditando nos Evange...

  • Pedro lima

    O senhor pastor Sanca Gomes viveu uma vida sempre...

  • Pedro lima

    Passando aqui pela «Esquina do Tempo» e lendo esta...

subscrever feeds

Powered by