Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mário Fonseca
 
Praia, 12.11.1939 - 25.09.2009
 
 

Ao amigo Mário Fonseca, evocando um livro escrito e perdido aos 20 anos.

In memoriam

 

 

Ainda que tais flores fossem as rosas

com que se perfumam os sonhos.

 

Quarenta anos volvidos,

de regresso ao chão,

que é onde a rosa

e o poeta fenecem,

perdido o sonho de uma flor

que teria sido mulher,

para quê de novo buscá-la no mar?

 

- Arménio Vieira

 

Praia, 25 de Maio de 2012

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Seló.jpeg

 Os 'Sailors', Oswaldo Osório e Jorge Miranda Alfama, ladeando o Presidente do Departamento das Ciências Sociais e Humanas (Uni-CV), Professor Brito-Semedo

 

E agora Seló? Um espaço de questionamento, na linha da continuidade entre o passado e o presente, onde a tradição literária fala mais alto.

 

E agora Seló?

 

Qual o próximo porto de destino? Ou será porto de abrigo?

 

E o barco, agora, ruma em direcção à imaginação criativa do leitor, de olhos postos no “horizonte de expectativa”.

 

Com alma de viajantes, os sailors embarcaram na expressão poética e se fizeram ao mar largo, rumo aos paraísos de suas fantasias, numa longa viagem pela noite longa dos tempos, por cinco eternas décadas. Milhas e milhas percorridas, terras distantes desvendadas, por entre travessias e cruzeiros, vencendo mares e marés, eis que retornam ao cais de abrigo, de onde nunca partiram.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Pedro Lima

    Esquina do Tempo, magistralmente criado por Dr. Br...

  • Anónimo

    Vénias minhas.

  • Anónimo

    Fico agradecido com a sua resposta.Estamos no exer...

subscrever feeds

Powered by