Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

 

Porto Memória.pdf

 

2000_5000e_Frente.bmp

2000_5000e_Verso.bmp

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

– Em homenagem à Poetisa Gertrudes Ferreira Lima [Tolentino], a Humilde Camponesa, este buquê de flores.

 

 

Neste mês da Mulher, da Árvore & Poesia, evoco e homenageio todas as mulheres cabo-verdianas na pessoa da poetisa Gertrudes Ferreira Lima [Tolentino] (Santo Antão, 1854 – 1915).

 

Buquê di flor

Ta falta’m jeite p’oferecebe

Andâ cu bô braçado

Ta fadja’m compass

Má nem por isse

Ca parce’m si na mundo

Tem amor maior!

 

Si nhas bêjin

É só na hora di nôs dôs

E nhas carinho

Guardado só pa um momente

Má nem por isse

Ca parce’m si na mundo

Tem amor maior!

 

Quem qui ca da valor

Nôs amizade

Ca sabê qui amor

Di palco é fingide

Ma qui ta conta é sentimente

Ma qui ta conta é quel di coraçon

 

– Morna “Nôs Amizade”, Adalberto Silva ‘Betú’, 2003

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Anónimo

    Era minha tia avo o meu avo était filho mais venho...

  • Pedro

    Caro Professor,A equipa já realizou a transferênci...

  • Pedro

    Caro Professor,só vi a sua resposta ao meu comentá...

Powered by